23 de fev de 2008

Fútil

Queria um xampu anticaspa. Celular tocou, mãe tomava banho. O Nokia tune o fez deslembrar o xampu.

Queria uma garrafa de água mineral com gás, só servia com gás, pois viu outro dia o dito-cujo que saiu daquele reality pedir água mineral com gás em um programa dominical.

Nokia tune de novo. Dessa vez o escândalo digital vinha da bolsa da sua irmã. Ela não atendeu, pois estava lá no muro, de boa, confabulando com a vizinha costureira. Atendeu sem olhar o identificador. Era seu pai:

- Pai, me compra uma água mineral com gás?

Penalizado com mais um “no natal eu lhe dou”, voltou para o seu quarto, abriu uma revista e viu uma propaganda enorme: SHAMPOO ANTICASPA.

- Eu quero um xampu anticaspa.

Nenhum comentário: