23 de set de 2008

Auto-incentivo à leitura

Francesca sabia que sua concentração para a leitura numa posição desconfortável era nula. Passou horas procurando se acomodar na sedia acochoada sem tirar os olhos da sua versão de bolso de um famoso livro de auto-ajuda que comprou num desses catálogos da tupperware.
No final da leitura, Francesca já era portadora de uma Hiper-escoliose aguda e crônica. De costas, a infeliz parecia um triângulo retângulo, mas estava satisfeita, pois o livro a ensinou
como procurar a felicidade nas desventuras da vida.

Quadro A Leitora (1770-1772) de Jean-Honoré Fragonard

12 comentários:

Márcio Ribeiro disse...

Muito bom seu texto! Você escreve de forma clara, eu admiro isso, ja que tem blogs que nos perdemos no meio do texto. Muito bom mesmo, e o desfecho, cômico.

http://comideiaseideais.blogspot.com

Karina disse...

Seus mini-contos são ótimos!
Parabéns!

bj

carla m. disse...

nossa, delicioso!!! mais do que mestre, por que em poucas palavras fez um enredo perfeito!

virei fã, vou voltar mais vezes!!!

Ellen Regina disse...

é, no mínimo, irônico! ahahha

*.*Allegr!a*.* disse...

Constatações:
Francesca ou lia devagar, muito devagar, ou a coluna já tava pra lá de auto-atrapalhada.
Daí, nada melhor que a auto ajuda pra fazer qualuqer coisa valer a pena!

rs

Ironia é algo gostoso de ler.

Parabéns

Hugo Ceregato disse...

Que bacana a finalidade do texto. Extremamente curto, mas diz tanto.

Prolixo Lacônico disse...

Cara adorei o blog...
Tenho esse mesmo problema para ler e acredito que vale a pena ter esse problema...livros sao para toda vida...

Vou te linkar no meu blog, porque gostei muito mesmo do seu...

quando puder...
http://prolixolaconico.blogspot.com/

Leandro 'Gatito' :D disse...

Bem irônico, e bem escrito
parabéns!!!
vou adicinar nos favoritos, e se quiser, coloco seu link na minha lista de blogs!

http://efeitoanestesico.blogspot.com/

=) Festa das Cores disse...

Que legal aqui!
o texto é otimo tbm!
gosto de ler textos bem escritos... acho inspirador!
parabéns!

http://lefamily.blog.terra.com.br/

abutre236 disse...

Belo texto, mas coitada da Francesca. Eu mesmo não encontro uma posição confortavel para ler, mas Hiper escoliode aguda...o livro devia ser muito bom.

roas77 disse...

Nossa que ironia!!

rsrsrrs

Se "aprende" uma e fica "doente" em outra .. e uma faz vc sentir bem .. mesmo estando "doente"

que loucura ..s rsrs

abç..

fabiana disse...

"...famoso livro de auto-ajuda que comprou num desses catálogos da tupperware". (!!)
É assim que anda a literatura ocidental. Ou melhor, os leitores.