9 de set de 2008

"Bate,bate, bate na porta do céu"

Mosquito ia ser doutor, tomou dois tiros subindo o morro e nunca mais comeu lasanha. Por ser analfabeto foi para o inferno. Nos portões do paraíso havia uma placa que dizia:
“其中沒有敲開。” *

Esse pequeno conto narra a trajetória de vida de um playboy mimado que para manter seus vícios batia carteiras (em geral dos seus pais, no entanto houve uma ocasião em que seu Tio Wallace sentiu falta de uns trocados, mas relevou, afinal eram só mil e quinhentinhos). Um bom batedor de carteiras sabe que ser pego em flagrante é o estopim para uma possível conquista da medalha olímpica nos cem metros rasos. Mosquito, além de não-apto para competições rápidas, não imaginava que seu pai tivesse uma AR-15 no armário. Enfim, a maior tolice do inseto foi não ter ficado atento nas aulas de Chinês.


* “Entre sem bater”, Provérbio de
Ling-Po Lee, atriz chinesa de filmes adultos.

2 comentários:

Caio Rudá disse...

Tio Uólace ficaria melhor, penso.

Uma pena que eu não tenha conseguido ver os caracteres chineses...

fabiana disse...

Brilhante.